Milton Nascimento e o diabetes

0

O cantor sofreu um bocado por causa do diabetes, mas soube aprender com as dificuldades e superar os desafios da doença!
milton nascimento e o diabetesMilton Nascimento (1942 – ) é uma das maiores e mais famosas vozes da música brasileira. Este carioca de nascença, mas mineiríssimo de coração, já venceu 5 prêmios Grammy e cantou com estrelas mundiais como Peter Gabriel, Sarah Vaughan e Duran Duran, além de ter realizado parcerias memoráveis com a nata da MPB, como Elis Regina e Gal Costa.

As canções de Milton tocam diretamente o coração, e sua voz doce e tranqüila acalma a alma. Sucessos como “Canção da América” e “Maria, Maria” já fazem parte do repertório de todo brasileiro.

Em 1996, Milton contou, pela televisão, que estava com diabetes. Ele nunca foi de dar entrevistas ou conversar muito com a mídia, mas precisou dar este anúncio porque, à época, sua saúde estava bem fragilizada. Chegou a pesar apenas 38 quilos. Muita gente disse, então, que Milton tinha AIDS. Mas não era nada disso; era simplesmente diabetes tipo 2 diagnosticada tardiamente a mal cuidada, que levou à anorexia, embolia pulmonar, amiotrofia…

Mas nada disso abalou o músico. Dando a volta por cima, Milton Nascimento alterou sua dieta e passou a utilizar diariamente a insulina para corrigir a glicemia. Com isso, pôde voltar aos palcos, ganhar prêmios prestigiosos e nos encantar com sua voz, instrumento poderoso e único que é um dos grandes orgulhos do país.

 

Compartilhe!