Lojas investem em chocolates para pessoas com diabetes e intolerância a lactose ou glúten

0

Opções de produtos garantem uma Páscoa com chocolates, porém livre de açúcar.

Chocolates, amendoins, bombons e tantas outras guloseimas são a marca da Páscoa, quando milhares de pessoas presenteiam com doces os entes queridos para comemorar a data. Porém, há aqueles que consideram a época uma tentação: diabéticos, pessoas com intolerância à lactose e a glúten. Para não excluir nenhum consumidor nessas horas, o comércio oferece doces para todos os gostos e restrições alimentícias.

Em Jaraguá do Sul, 1.569 dos 54 mil habitantes cadastrados na Secretaria de Saúde são diabéticos. Segundo a gerente de Saúde da Família, Aline Reinhold, o número é relativamente alto se for levado em conta que engloba crianças, adultos e idosos. Para ela, o diabetes é uma das doenças mais preocupantes na atualidade e não somente pelo fator genético, que influencia as pessoas a desenvolverem a doença.

A nutricionista Alessandra Gaboardi destaca que entre os anos 2000 e 2010, o diabetes foi responsável pela morte de mais de 470 mil pessoas em todo o Brasil. Ela afirma que cada vez mais cedo nota-se pessoas serem portadoras da doença.

Para esse grupo, existem lojas que comercializam produtos sem açúcares e voltados para datas comemorativas. Uma delas é a Sabores & Grãos, de Jaraguá do Sul, que vende produtos para esses clientes.

– Estou administrando a loja faz um ano e noto que mensalmente há aumento na procura por esses produtos saudáveis. Atualmente, a indústria tem investido nestes alimentos – afirma a administradora da Sabores & Grãos, Vivian Michalak.

 

Produtos mais saudáveis ganham a preferência

Outras doenças restritivas são a intolerância à lactose e ao glúten. De acordo com a nutricionista, 70% dos brasileiros adultos têm algum grau de intolerância à lactose. Já a intolerância a glúten afeta um em cada 600 brasileiros.

Nesta Páscoa, Vivian investiu pesado em chocolates sem açúcar, lactose e glúten, e o retorno já está sendo visível. Dentre as opções de chocolate, há ovos de chocolate para bebês com 0% de leite.

Também são vendidas barras de chocolate sem açúcar. Outra alternativa são os chocolates com 70% de cacau, mais saudáveis porque a fruta ajuda na absorção das vitaminas dos alimentos. Algumas empresas investem no chocolate feito de Alfarroba, que é mais saudável e tem menos gordura.

Fonte: A Notícia

Compartilhe!