Diabéticos em áreas de enchentes: o que fazer na hora da tragédia?

1

Dicas e cuidados para diabéticos cuidarem da saúde e controlarem a glicemia mesmo nas situações mais extremas.

enchente e diabeticos

A tragédia das chuvas no Espírito Santo traz à tona a luta dos diabéticos para controlar a saúde mesmo em meio ao caos.

Chegou o verão no Brasil, uma época caracterizada no imaginário popular por temperaturas extremas, viagens de férias e chuvas, muitas chuvas. Com elas, a devastação causada por enchentes e desabamentos é uma constante que, ano após ano, aflige a vida de milhares de brasileiros.

+ LEIA TAMBÉM: “Tufão nas Filipinas – diabéticos no país passam por apuros

Se estar em meio a uma tragédia já é ruim por si só, o sofrimento de quem está com diabetes e se encontra numa situação de perigo é ainda maior. O que fazer se a região onde mora está alagada ou isolada do mundo por causa de deslizamentos de terra e precisa-se de insulina? O assunto é sério e muitos diabéticos precisam de orientações adequadas para sobreviver bem a situações de calamidade.

Por isso, visando a  ajudar os diabéticos que se encontram em áreas de risco, o doutor Carlos Eduardo Barra Couri, amigo do site, deu uma dica importante em sua página do Facebook. Ele menciona um documento redigido pela Sociedade Brasileira de Diabetes contendo justamente as dicas essenciais para diabéticos que moram em regiões atingidas por enchentes ou outros desastres naturais.

Dentre as dicas contidas no documento estão orientações sobre alimentação, cuidados com os pés, dicas de conservação e aplicação da insulina e cuidados quanto ao reaproveitamento de seringas.

A seguir, a nota do dr. Couri e o link para o documento.

 

TEXTO DO DR. CARLOS EDUARDO COURI:

Mais um ano se passou, mais um verão chega e com ele as chuvas e inundações. Talvez os governos que nós escolhemos não sejam tão bons administradores, pois os problemas com as chuvas nunca (repito, nunca) são prevenidos. O que vemos são sempre luto, desculpas, promessas e muito blá blá blá…
Estes desastres infelizmente não poupam pessoas com diabetes. Por isso, a Sociedade Brasileira de Diabetes disponibiliza um documento informativo no seu site sobre como as pessoas diabéticas devem proceder caso morem em localidades atingidas por estas catástrofes.

LINK PARA O DOCUMENTO DA SBD

 

Compartilhe!
  • Jéssica Ferreira

    Super importante, vou passar as dicas pra meus parente no Rio! espero que nenhum deles pricise mas nunca se sabe… …