Alternativa melhor que o Viagra para problemas masculinos

2

Bolinhas microscópicas repletas de medicamento provaram ser mais eficientes que o Viagra no tratamento da disfunção erétil.

Boa notícia para os homens que estão com diabetes!

Boa notícia para os homens que estão com diabetes!

Problemas de ereção masculina normalmente ocorrem porque há falta de circulação de sangue no órgão. Isto acontece porque os vasos sangüíneos do pênis são danificados por problemas de saúde como a pressão alta, o colesterol elevado e o diabetes.

Contra a disfunção erétil existem, hoje, medicamentos como o Viagra. Estes remédios utilizam o óxido nítrico como princípio ativo, uma molécula capaz de aumentar o fluxo sangüíneo para o órgão masculino.

Mesmo assim, cerca de 1/3 dos homens com problemas de ereção não responde a este tipo de medicamento, aumentando a pressão para o lançamento de uma nova solução para o problema. Boa parte deles é composta de homens diabéticos – estima-se que até 75% dos homens que estão com diabetes possuem dificuldades de ereção.

O Diabeticool informou na última semana que a metformina, um popular e comprovadamente eficaz tratamento antidiabético, pode ajudar a tratar a disfunção erétil. Agora, uma nova descoberta traz ainda mais esperanças para milhões de homens em todo o mundo.

 

AS BOLINHAS DE ÓXIDO NÍTRICO

Artigo publicado na mais recente edição da revista médica Journal of Sexual Medicine descreve uma novidade excitante. Cientistas da Universidade Rice, nos EUA, descobriram que o óxido nítrico (o princípio ativo do Viagra) pode ser levado até o pênis através de microscópicas bolinhas de plástico repletas da molécula. Estas bolinhas, de diâmetro inferior a 1 milímetro, são injetadas no corpo peniano e paulatinamente vão liberando o óxido nítrico, ajudando, assim, a recompor o fluxo sangüíneo.

Os pesquisadores testaram a nova abordagem em animais e os resultados foram excelentes. Os efeitos continuaram por mais de três semanas após a injeção, com “intensidade” maior do que a do Viagra. Agora, eles já planejam testes clínicos com humanos a fim de avaliar as bolinhas de óxido nítrico como alternativa terapêutica à disfunção erétil.

Caso estes testes com humanos dêem certo, dentro de meros cinco anos será possível encontrar esta novidade no mercado. Muitos homens – certamente – e muitas mulheres – possivelmente! – agradecerão.

 

Compartilhe!
  • Jéssica Ferreira

    Incrível!! Sem de uns amigos que adorariam saber disso kkkkkkkk

  • carlos gomes

    QUERO TESTAR TENHO 52 E JA TA MEIO…