Tratamento natural do diabetes com cebola a caminho?

0

Pesquisa mostra poder da cebola, em combinação com a metformina, para baixar a glicemia e controlar o colesterol.

cebola tratando o diabetes

Além de darem um gostinho maravilhoso à comida do dia-a-dia, as cebolas também podem ser grandes aliadas no controle da glicemia.

A novidade foi anunciada durante o encontro anual da Endocrine Society, entidade científica de renome internacional, que ocorreu esta semana em San Diego, nos EUA. Pesquisadores revelaram que o extrato de cebola em combinação com a metformina é poderoso no controle da glicemia e para baixar os níveis de colesterol ruim – pelo menos em ratos diabéticos.

Quem apresentou a descoberta foi por Anthony Ojieh, médico pesquisador na Universidade de Abraka, na Nigéria.

“A cebola é [um alimento]barato e fácil de encontrar, e já tem sido usada como suplemento nutricional. Ela tem o potencial de ser utilizada em pacientes com diabetes”, disse Anthony.

Os experimentos com os animais ainda estão nos estágios iniciais. Mas, até agora, os cientistas observaram que quanto maiores as doses do extrato de cebola, melhor a diminuição da hiperglicemia e do colesterol.

O porquê destes efeitos ainda é um mistério. Observações do pâncreas dos animais indicaram que a cebola não ajudou a curar as lesões decorrentes do diabetes, então como ela consegue melhorar a glicemia ainda precisa ser estudado.

“Nós precisamos investigar os mecanismos pelos quais a cebola gera redução na quantidade de glicose no sangue. Nós ainda não temos uma explicação para isto”, assumiu Anthony.

cebola picadinha

As cebolas são ricas em nutrientes, vitaminas, fibras e flavonóides, contendo poucas calorias e açúcares. Seus efeitos na glicemia começam a ser estudados mais a fundo.

 

A grande questão, como sempre, é se comer mais cebolas passa a ser indicado para humanos que lutam para controlar a glicemia.

De acordo com a equipe de pesquisadores, os dados com ratos de laboratório ainda estão nos estágios iniciais de análise, e por isso nenhuma recomendação para humanos pode ser feita. Eles notam que o extrato de cebola utilizado no experimento, caso venha a ser usado em pessoas, deverá passar por um delicado estágio de purificação.

Outro alerta: apesar de pouco calórica, a cebola ajuda a aumentar o metabolismo do corpo, o que gera fome. E, bem sabemos, quanto mais se come, maior a glicemia.

 + Aprenda a fazer um petisco de salsichas light com cebola roxa aqui!

A novidade traz esperanças de que, no futuro, um tratamento natural com cebolas (ou algum princípio ativo presente nestes vegetais) poderá ser utilizado, junto à metformina, para um melhor controle do diabetes tipo 2. É, no mínimo, algo bom a se pensar da próxima vez que comer um pedacinho de cebola acompanhando o sabor de saladas, peixes, carnes…!

Compartilhe!