O que é a SHHC?

0

Saiba tudo sobre a Síndrome Hiperglicêmica Hiperosmolar Não Cetótica – uma condição com um nome difícil, porém importantíssima de se conhecer!

Síndrome da Hiperglicemia Hiperosmolar Não Cetótica (SHHC) é uma condição séria que ocorre com mais frequência em pessoas mais velhas. A SHHC pode ocorrer em pessoas com diabetes do tipo 1 e do tipo 2, mas é mais comum em pessoas com diabetes tipo 2. Geralmente a SHHC é provocada devido a outras condições de saúde, como doença ou infecção.

Na SHHC os níveis de glicose no sangue estão muito elevados, o seu corpo tenta se livrar do excesso de glicose eliminando na urina. Num primeiro instante você irá urinar com maior frequência, depois você irá menos vezes ao banheiro mas sua urina estará muito mais escura. Além disso você pode ter mais sede que o normal. Você deve aumentar a ingesta de líquidos mesmo que esteja sem sede, pois a SHHC pode deixar você num estado desidratado.

Se a SHHC continuar, você pode ter um estado de desidratação grave que vai levar a convulsões, estado de coma e até a morte. A SHHC pode levar dias ou até semanas para se desenvolver.

Conheça os sinais de alerta da SHHC na figura. Se você observar algum destes sintomas, ligue imediatamente para o seu médico ou procure um serviço de saúde.

A melhor maneira de evitar a Síndrome da Hiperglicemia Hiperosmolar Não Cetótica é verificar os níveis de sua glicose no sangue (glicemia) regularmente. Muitas pessoas checam a glicemia várias vezes durante o dia, como antes das refeições e duas horas após a refeição. Converse com sua equipe de saúde para saber qual é a frequência que você deve verificar sua glicemia e o que os valores de glicose no sangue significam. Também verifique com sua equipe de saúde quais são os seus alvos de glicemia antes e após as refeições e em qual momento você deve ligar para eles quando sua glicemia estiver muito alta, muito baixa ou fora da sua meta.

Quando você estiver doente você deve checar sua glicemia com mais frequência e beber mais líquido (sem álcool e sem cafeína), um copo a cada hora. Trabalhe com sua equipe de saúde para desenvolver o seu plano de cuidados quando estiver doente.

Clique na imagem para ampliá-la.

Clique na imagem para ampliá-la.

 

Compartilhe!