Novo jeito de medir a hemoglobina glicada

2

Pela primeira vez, método diagnóstico de diabetes é aprovado por agência regulatória dos EUA e pode levar a importante padronização dos resultados.

Os exames de hemoglobina glicada poderão ficar mais acurados de agora em diante. Na última sexta-feira (24.6), a agência de vigilância sanitária dos EUA (FDA) liberou, pela primeira vez, a comercialização de um teste padronizado para a HbA1c. Até então, não havia uma maneira universalmente aceita de realizar este teste, o que significa que os resultados poderiam variar bastante de acordo com quem o realizasse. É a primeira que a FDA aprova tal tipo de procedimento.

 

exame hemoglobina glicada diabetes

+ Leia também: “1% menos HbA1c, 50% a mais de vida” – Estudo sueco mostra que diminuições mínimas nas taxas de hemoglobina glicada (HbA1c) resultam em enormes melhoras à saude.

 

O aval positivo da agência regulatória norte-americana vem após a análise de 141 amostras de sangue de pacientes. Os resultados obtidos pelo novo método diagnóstico, chamado de “COBAS INTEGRA 800 Tina-quant HbA1cDx”, mostraram apenas 6% de diferença em relação ao teste-padrão adotado internacionalmente para análise das hemoglobinas.

“Até ontem, os testes de A1c não eram especificamente produzidos ou tinham permissão da FDA para serem comercializados para diagnóstico de diabetes, o que tornava difícil saber qual teste de A1c era suficientemente acurado para este propósito”, afirma a FDA em comunicado à imprensa. “O método Tina-quant HbA1cDx, um teste baseado em laboratórios, pode ser utilizado tanto para diagnosticar acuradamente o diabetes quanto para monitorar o controle da glicose sangüínea”, continua.

O teste Tina-quant HbA1cDx de hemoglobina glicada foi produzido para ser utilizado em laboratórios clínicos, supervisionados por profissionais de saúde, e não pela população em geral. Mesmo assim, é interessante que as vantagens diretas para a população com diabetes podem ser grandes, uma vez que o método foi desenvolvido para ser utilizado em larga escala, o que pode vir a diminuir os custos e o tempo do procedimento.

Além disso, o exame “Tina-quant HbA1cDx” será comercializado pela farmacêutica Roche – o que não deixa de ser um bom sinal, tendo em vista as recentes notícias de que a empresa passa por dificuldades em algumas de suas divisões para diabetes.

 

 

Compartilhe!
  • IRIA

    GOSTARIA DE PARTICIPAR DESTE SITE!OBRIGADA!

  • FRANCISCO DIASSIS MARQUES

    PESSOAL , BOA NOITE !! SOU DIABETE TIPO 2 E TENHO UM PROBLEMA DE ANSIEDADE MUITO GRANDE POR ESSE MOTIVO TENHO DIFICULDADE EM DIMINUIR A TAXA DE GLICEMIA POR FAVOR PRECISO DE UM MEDICAMENTO PARA DIMINUIR ESSA TAXA JA USEI MUITOS MEDICAMENTOS INCLUSIVE A VICTOSA MAS NÃO TIVE UM RESULTADO SATISFATÓRIO POR FAVOR PEÇO SUA AJUDA.