Novo gel promete cicatrização em 20 segundos

0

O “band-aid do século XXI” pode ser um alívio para quem tem problemas de fechamento de cortes e machucados, muito comuns em diabéticos.

vetigel diabetes

Quem está com diabetes sabe: todo e qualquer cortinho necessita de atenção imediata. Isto porque, como é bem conhecido, o diabetes dificulta o processo natural de cicatrização. Com isto, os cortes, por menores que sejam, ficam abertos por mais tempo, o que aumenta os riscos de infecções e, em casos graves, pode levar ao sangramento excessivo.

Como fazer para que as feridas parem de sangrar mais rápido? Uma novidade vinda de uma pequena empresa nos EUA pode ser a solução. Trata-se do VetiGel, um gel feito de plantas que promete fechar qualquer corte, seja ele pequeno ou grande, superficial ou profundo, em no máximo 20 segundos.

 

COMO FUNCIONA O “BAND-AID DO SÉCULO XXI”

Já existem no mercado algumas marcas de géis ou pomadas que auxiliam na cicatrização, acelerando o processo. Porém, nenhum deles age de maneira tão rápida quanto o VetiGel. Enquanto que a maioria dos medicamentos atuais fecha um machucado em cerca de 15 minutos, o novo gel é capaz de impedir os sangramentos em um tempo de 15 a 20 segundos.

O segredo, de acordo com a Suneris, empresa recém-criada e que fabrica o produto, é uma combinação específica de extratos de plantas. Os polímeros naturais trabalham junto às moléculas do organismos para acelerar a cicatrização.

cicatrizacao vetigel diabetes

Processo de fabricação do VetiGel: um gel espesso feito de plantas, formando uma barreira poderosa sobre os machucados.

As entrar em contato com o sangue, os componentes do VetiGel imediatamente formam uma barreira que mantém uma pressão constante no local lesionado. Depois, estimulam a acumulação de plaquetas, células que formam uma barreira protetora. Por fim, o gel estimula a ligação de fibrina, uma proteína que fortalece a barreira protetora. Tudo isso ocorre em poucos segundos.

Por ser um produto natural, o gel pode ser eventualmente retirado com facilidade após endurecer ou então deixado onde está, pois é, aos poucos, reabsorvido pelo organismo.

 

QUANDO O VETIGEL CHEGA ATÉ NÓS?

A novidade já está sendo testada em animais, com grande sucesso.

Os responsáveis pelo VetiGel afirmam que ainda vai demorar até que o medicamento chegue às prateleiras das farmácias, uma vez que testes com humanos ainda não foram iniciados.

Quem já demonstrou interesse pelo produto foi o Departamento de Defesa dos EUA, que pretende investir na companhia para testar, nos campos de batalha, a novidade farmacêutica.

Torçamos para que o VetiGel chegue logo, também, para nos ajudar em outra frente de batalha: a luta contra os efeitos do diabetes no nosso organismo.

 

Compartilhe!