Metformina “aditivada” em breve nas farmácias

11

Novo medicamento antidiabético – o Xigduo – será uma combinação de dois famosos tratamentos e poderá ser vendido já em 2014.

xigduo metformina forxiga diabetesDois conhecidos medicamentos antidiabéticos estão prestes a unir as forças no combate à doença.

O Comitê de Produtos Medicinais para Uso Humano, um braço regulatório da União Européia, deu aval positivo a uma combinação dos remédios Forxiga e metformina em uma única pílula.

A metformina é o princípio ativo mais conhecido no tratamento do diabetes tipo 2, devido à alta eficácia no controle da glicemia, aos poucos efeitos colaterais e ao longo tempo no mercado. Uma das maiores vantagens de seu uso é que não gera hipoglicemia.

Já o Forxiga (cujo princípio ativo é a dapagliflozina) é um remédio mais recente – ele começou a ser comercializado há poucos meses na Europa e nos Estados Unidos. O Forxiga funciona estimulando a liberação de glicose na urina, o que diminui a quantidade do açúcar no sangue. O efeito é atingido através da inibição da reabsorção da glicose nos rins. Um outro resultado benéfico do remédio é ajudar na diminuição do peso, uma vez que a excreção extra de glicose consome calorias.

A combinação dos dois medicamentos, criada pelas farmacêuticas Bristol-Myers Squibb e AstraZeneca, será chamada de Xigduo e poderá começar a ser vendida já no ano que vem.

De acordo com o relatório do Comitê europeu,

“O benefício do Xigduo é sua habilidade de melhorar o controle glicêmico através da redução dos níveis de açúcar no sangue em pacientes cujo controle unicamente através da metformina é inadequado. Os efeitos colaterais mais comuns são hipoglicemia, náusea, vômitos, diarréia, dores abdominais, perda de apetite, vulvovaginite, balanite e infecções genitais relacionadas, infecções no trato urinário, disúria [dor ao urinar] e poliúria [urinar em demasia]“.

Compartilhe!