Farmacêutica é acusada de passar a perna no governo

0

Empresa Amylin teria retido informações e enganado cobaias, de acordo com agência americana.

As acusações vêm do órgão regulador de drogas e alimentos do governo dos EUA, o FDA. Ele acusa a farmacêutica Amylin de falta de transparência nos testes de dois remédios contra o diabetes, o Byetta e o Bydureon. A empresa teria retido informações cruciais sobre supostos danos ao coração causados pelos medicamentos, tanto em relação às cobais quanto à propria FDA. Além disso, quando pediu informações sobre o o Bydureon, a agência recebeu um documento antigo acerca do Byetta.

A farmacêutica negou as acusações e afirmou que mantém uma relação estreita e correta com o governo.

Continue lendo a matéria aqui!

Compartilhe!